Ideias para Debate

Tuesday, November 22, 2005

Carlos Cardoso

Há 5 anos, aquela cabeça, que fervia a denunciar a corrupção no nosso país (coisa que, ao que parece, não existe), foi perfurada por balas de chumbo muito concretas.
Não foi nenhuma instituição que o matou. Foram pessoas. As instituições, na minha opinião, serviram apenas para tentar abafar o caso e impedir que o(s) criminoso(s) fosse(m) levado(s) para a cadeia.
Não sei se a indústria do desenvolvimento está entre os suspeitos do crime.
Mas de que assisti ao seu funeral, não tenho dúvidas. Ali, muito concretamente, no crematório hindu.
E, queiram ou não queiram, a verdade há-de vir ao de cima.
Não vamos esquecer-te, Carlos.
Não vamos parar a tua luta.

Machado

9 Comments:

Post a Comment

<< Home